Rituais Sul de Minas na Italiana fechada com mais força

Para testar a hipótese de que a causa dos jatos aerados de café antes da finalização da passagem era a má vedação interna, dessa vez atarraxei com mais força o reservatório. Comparado com a última tentativa, houve mais passagem de água mas ainda com rajadas intermitentes de vapor. Também houve um cuidado extra para limpar as laterais do bocal para não haver grãos entre a borracha e a peça.

O resultado indica que de fato há um problema de vedação e que fechar com mais força ainda não é o suficiente para resolver o problema. Vou comprar uma nova borracha de vedação para fazer um experimento - tem que trocar essa borracha a cada 12 meses de qualquer forma, então não é como se fosse um gasto imprevisto.

Por outro lado, pode ser que a vedação já esteja correta e agora o problema é de temperatura muito alta e grão muito fino. O próximo experimento pode ser fazer fechando com a mesma força e usando uma chama menor durante a passagem do café. Também pode ser interessante já comprar um café com moagem um pouco mais grossa para comparar, mas o ideal é alterar uma variável por vez.